20 Aug
romeiros-culturamagra-minho-e

Romeiros & Cultura Magra

Romeiros em exposição na Torre da Cadeia Velha, em Ponte de Lima, de 1 de a 15 Setembro e
Cultura Magra nos Antigos Paços do Concelho, em Viana do Castelo, de 3 de Setembro a 6 de Outubro.

Romeiros é um olhar contemporâneo sobre as pessoas que fazem do Alto Minho uma grande e permanente festa. Um romance em imagens, escrito com um olhar irónico e colorido que nos mostra as velhas tradições em contacto com o futuro, num debate muito aceso e assente no confronto entre o profano e o sagrado.

Cultura Magra é um trabalho fotográfico de forte pendor local, sobre o associativismo no concelho de Mora, nas vertentes cultural, desportiva e recreativa, entre outras. O título nasce da ideia de que estas colectividades são, na sua maioria, magramente financiadas; vivendo da generosidade e espírito de entreajuda entre os seus membros.

Paulo Alegria (Paulgi) nasceu na Beira Litoral mas vive e trabalha no Minho há mais de 20 anos. Foi músico e designer (quase sempre ligado à industria discográfica), mas, mais recentemente, foi ao documental e à fotografia de identidade regional que se dedicou, tendo sido autor de dois livros, Romeiros~Pilgrims e Cultura Magra, e ainda responsável pela cinematografia do filme Alto do Minho.

Como complemento às exposições, que estarão patentes durante o mês de Setembro, haverá um debate informal com o autor, no dia 5 de Setembro às 21:30h, no pátio do DINAMO10, sobre o percurso destes trabalhos, onde serão apresentadas algumas imagens não publicadas, e ainda, no dia 31 de Agosto às 11:00h, será transmitida pela Rádio Geice uma entrevista realizada por Laurinda Figueiras para o programa Usanças.



Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*